O desafio de garantir a saúde dos Integrantes e a geração de energia

Aliar a preservação da saúde dos Integrantes com a geração de energia para Rondônia e o Brasil é o desafio da Santo Antônio Energia durante a pandemia. Um Comitê de Crise foi criado em meados de março para o acompanhamento e estabelecimento de medidas preventivas relacionadas à pandemia de coronavírus. Foi inserido o trabalho em home office para algumas áreas, pessoas dos grupos de risco foram afastadas temporariamente, máscaras e óculos de proteção foram adotados e muitas outras ações foram colocadas em prática para diminuir qualquer risco de contaminação dentro da hidrelétrica que, por realizar um serviço essencial, não pode parar.

O Diretor de Operações, Dimas Maintinguer, garante que não há nenhum impacto no processo de geração de energia. “Estamos atendendo a demanda do Operador Nacional do Sistema Elétrico, gerando energia para Rondônia, Acre e as outras regiões do país”, afirma. Os  índices de geração de energia na usina em março e abril deste ano são melhores que os do mesmo período do ano passado. “Devemos nos preservar e seguir as orientações dos órgãos de saúde do país. Em relação  à empresa, agradeço aos nossos Integrantes que estão empenhados em manter as atividades essenciais da hidrelétrica”, declara o diretor.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *