O manejo de troncos no rio Madeira

Hidreletrica Santo Antonio
Aspecto atual do Sistema de Manejo de Troncos

Com a finalização das obras de construção da Hidrelétrica Santo Antônio, também está sendo concluído o Sistema de Transposição de Troncos, que é o local definitivo por onde vão passar as madeiras que descem pelo rio Madeira. Nos estudos complementares realizados de março de 2008 a novembro de 2009, foi observado uma média diária de 542 troncos descendo o rio. Os tamanhos variavam de pequenos troncos, de até dois metros, a grandes árvores com mais de quatro metros de comprimento.

No mês de junho foi explicado, aqui no blog, como esse manejo é feito atualmente, nas épocas de cheias do rio (Reveja aqui: http://goo.gl/E4ZRsw). O Sistema de Transposição de Troncos contém basicamente: flutuadores especiais, em polietileno de alta

Estrutura ao lado da Casa de Força 4
Estrutura ao lado da Casa de Força 4

resistência; estruturas de Logboom, fabricadas com aço especial; e, agora a estrutura instalada no corpo da barragem.

Sistema de Transposição em fase de conclusão
Sistema de Transposição em fase de conclusão

A construção e montagem deste conjunto tem como objetivo atender a uma resolução da Licença de Instalação (LI) e foi desenvolvido o projeto de um Sistema de Manejo de Troncos que teve como objetivo a interceptação e o direcionamento dos troncos de forma que eles transponham o barramento e continuem a sua trajetória pelo rio da mesma forma que acontecia antes da instalação das usinas.

A finalidade das estruturas de Logboom é proteger as quatro Casas de Força, além dos dois vertedouros, evitando que os troncos cheguem a interferir na operação da Hidrelétrica Santo Antônio.

 

Share On Facebook
Share On Twitter
Share On Linkedin
Share On Youtube

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *