Reassentado se destaca na produção de peixe em cativeiro

Despesca de pirarucus

 

Pirarucus (1)
Luiz Gomes, da Emater (e) e o vice governador Daniel Pereira (de boné)

Cerca de oito toneladas de pirarucu foram vendidas para a empresa Rondônia Alimentos, que vai levar os peixes para São Paulo, enquanto constrói uma unidade em Porto Velho. A venda é fruto do trabalho de dois anos do senhor Domingos Mendes da Silva e família. Ele é morador do reassentamento Santa Rita, construído pela concessionária Santo Antônio Energia, responsável pela operação e geração da Hidrelétrica Santo Antônio.

 

O sr. Domingos recebeu assistência técnica da Emater e ajuda financeira da Santo Antônio Energia para a construção dos tanques de lona e implementos necessários. Após dois anos de trabalho de criação e engorda, chegou a hora da comercialização e houve uma certa dificuldade, foi quando o Governo do Estado, por intermédio da Secretaria de Agricultura (Seagri), apoiou o projeto e conseguiu os compradores para a produção dos pirarucus.

Sr. Domingos vendeu 8 toneladas de peixes
Sr. Domingos vendeu 8 toneladas de peixes

Um evento foi realizado para a despesca e entrega do pescado e contou com as presenças do vice governador do Estado Daniel Pereira, do presidente da Emater, Luiz Gomes e um dos sócios da empresa Rondônia Alimentos, Laércio de Aguiar, além de técnicos de várias entidades governamentais ligados ao setor produtivo.

Share On Facebook
Share On Twitter
Share On Linkedin
Share On Youtube

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *